Detalhe de Conteúdo

DNJ refletirá sobre cultura de paz no Rio

Postado por: 11/10/2018 0 Comentários 97 views
Diante da onda de violência que atinge todo o país e, de maneira especial, a cidade carioca, o Dia Nacional da Juventude (DNJ) vai refletir sobre o tema “Juventude construindo uma cultura de paz”.

O evento acontecerá no Centro Cultural Social e Pastoral (CCSP) Cardeal Orani Tempesta, pertencente à Paróquia Nossa Senhora da Apresentação, em Irajá, no dia 27 de outubro, das 9h às 16h. Estão confirmadas as presenças do arcebispo do Rio, Cardeal Orani João Tempesta, e do bispo auxiliar e animador da juventude, Dom Paulo Alves Romão.

De acordo com o assistente eclesiástico do Setor Juventude, padre Jorge Carreira, a missão do evento é espalhar a cultura da paz pela cidade. “O tema é propício para esse tempo de violência que vivemos em nossa cidade e em nosso país, onde pessoas têm sido assaltadas, sequestradas e torturadas. Somos contra a cultura da morte, que tem levado muitos jovens a tirarem a própria vida. Por isso, queremos ser construtores da paz”, pontuou.

O assessor destacou ainda que, neste ano, além de unir toda a juventude carioca no evento, haverá também a participação de todos aqueles, independente da idade, que receberam o Sacramento do Crisma –  um  dos sacramentos da Iniciação Cristã que confirma os fiéis na fé católica, momento no qual os crismados recebem a força do Espírito Santo para serem testemunhas vidas de Cristo.
Tema e lema
O Dia Nacional da Juventude (DNJ) 2018 tem como tema: “Juventude Construindo uma Cultura de Paz”, e o lema: “Disse estas coisas para que em mim vocês tenham paz. Neste mundo vocês terão aflições, contudo, tenham coragem, Eu venci o mundo” (Jo 16,33). O tema e o lema estão em consonância com os da Campanha da Fraternidade 2018, respectivamente, “Fraternidade e superação da violência”, e “Vós sois todos irmãos” (Mt 23,8).

Sínodo dos Jovens
Em 2018, o DNJ conta com um sabor ainda mais especial para os jovens brasileiros porque no mesmo mês acontece em Roma a XV Assembleia Geral Ordinária do Sínodo dos Bispos com o tema: “Os jovens, a fé e o discernimento vocacional”. Na reunião pré-sinodal, ocorrida no último mês de março, abordou-se o documento escrito que ressalta que os jovens pedem uma Igreja autêntica, corajosa na hora de reconhecer os erros e enraizada no Evangelho.

História do DNJ
O Dia Nacional da Juventude surgiu em 1985, durante o Ano Internacional da Juventude, promovido pela Organização das Nações Unidas. Estava evidente que a juventude precisava mobilizar-se e construir espaços de participação, para pensar e repensar uma nova sociedade. Todos os anos organiza-se um dia de festa da juventude, sempre com um tema importante a ser debatido e trabalhado com grupos. O DNJ acontece em todo o país todos os anos no último domingo do mês de outubro, exceto nos anos eleitorais, quando a data é alterada, como neste ano.
Priscila Xavier/ Carlos Moioli

Sobre o Autor

Rádio Catedral

Website:

DEIXE UM COMENTÁRIO

Certifique-se de introduzir a informação (*) exigida onde indicado código. HTML não é permitido